target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Leitura Recomendada
target="_blank">Some alt text
Lançamentos e Eventos
target="_blank">some alt text
Escolha do Leitor
target="_blank">some alt text
Conheça o Autor
target="_blank">Some alt text
Livros Importados
target="_blank">Some alt text
Digno de Nota

terça-feira, 19 de maio de 2015

“BENEFÍCIO DA MORTE” (Robin Cook)

(…) Outra vez lhe veio à mente o pensamento do cientista louco em seu covil, e ela tornou a estremecer. Tinha visitado o futuro naquela sala e se empolgava em fazer parte dele. Ao mesmo tempo sabia que podia haver um lado sombrio naquilo. A ciência biológica tinha avançado quase depressa demais, e o problema da ciência é que ela não pode ser desaprendida.
p. 68
~~~*~~~
Bonita e com uma inteligência ímpar, Pia Grazdani está prestes a iniciar seu programa de doutorado em genética molecular na Universidade de Columbia. Seu orientador seria o famoso geneticista Dr. Tobias Rothman, vencedor de um premio Nobel e de um premio Lasker. Apesar de ter vencido os obstáculos que a vida lhe impôs, aos 26 anos Pia ainda não havia superado as marcas deixadas por uma infância traumática. Além de ser reservada e evitar envolvimentos íntimos demais, Pia sofre com pesadelos recorrentes.
Mas nada diminui sua determinação em conquistar seus objetivos e alavancar sua carreira ao lado do Dr. Rothman. A mais recente pesquisa do brilhante geneticista está relacionada à organogenia e era a vanguarda da pesquisa com células-tronco. Representava o último obstáculo para a criação de órgãos que poderiam ser transplantados em pacientes. Pia estava empolgada em pensar que poderia fazer parte desse enorme passo rumo ao progresso.

Porém, quando o laboratório vira alvo de uma conspiração e se torna o palco de uma tragédia, ela vê que seu futuro não será o mesmo. Tomada pela incerteza e compelida a buscar respostas, Pia inicia uma investigação por conta própria, colocando em risco sua carreira. 
Sem saber que estava mexendo em um vespeiro, a estudante chama a atenção dos criminosos para si. Agora, considerada um risco, Pia se torna um alvo e sua vida está nas mãos de pessoas que pensou jamais reencontrar.
~~~*~~~ 
Benefício da Morte é o último lançamento de Robin Cook no Brasil. O autor é considerado o mestre do thriller médico e seus livros ocupam as listas de mais vendidos. Graduado em medicina e com doutorado em Harvard, Cook utiliza seus conhecimentos para tecer tramas que abordam os avanços tecnológicos na área médica e seus limites éticos e morais. Posso afirmar que Cook é um excelente escritor, pois mesmo leitores leigos conseguirão entender todos os meandros da história. De uma maneira simples e sem abusar de termos próprios da área, ele introduz o leitor no universo das pesquisas científicas. 

O tema abordado é sensacional, cujo foco gira em torno de pesquisas relacionadas com organogenia (geração de órgãos para transplantes) a partir de células-tronco do próprio paciente. Um projeto revolucionário, já que os transplantes não sofreriam com a rejeição e a mortalidade seria significantemente reduzida. O autor explora também questões éticas e morais da biotecnologia, além de revelar o ponto de vista econômico e político de pessoas que se beneficiariam ou seriam prejudicadas pelo projeto. Entretanto, achei o enredo um tanto raso e sua evolução corrida. Talvez por ser da área da saúde, iniciei a leitura repleta de expectativas, mas o livro ficou aquém do esperado. 

Em relação à pesquisa médica e detalhes sobre a vida pessoal da protagonista, Pia Grazdani, não há do que reclamar. O autor esmiúça a personalidade de Pia, colocando seus conflitos emocionais e psicológicos para fundamentarem seu comportamento e decisões. Por outro lado, o “ramo” do enredo que aborda a conspiração e os assassinatos cometidos são um tanto mirabolantes, na minha opinião, e não foram bem alicerçados. 

Digo isso, pelo fato do crime ter ocorrido sem uma explicação convincente. Em dado momento estamos lendo sobre os motivos de se cometer o assassinato e logo em seguida os alvos estão mortos. Na verdade, o autor nos conta no prólogo como a “arma” do crime foi conseguida, porém não nos revela como o plano foi colocado em prática, como passaram pela segurança e despercebidos pela equipe de um laboratório de ponta. De maneira indireta Cook “planta” alguém dentro do laboratório que provavelmente foi quem executou o plano, mas nada é revelado de forma direta. Esses detalhes mal explicados me desagradaram, pois fica a cargo do leitor imaginar o que ocorreu. 
Nossa protagonista, Pia Grazdani, é um porre. Infelizmente desenvolvi uma tremenda antipatia pela personagem. Devido a seu passado traumático, ela se tornou um tanto arredia e antissocial. Mas infância sofrida não justifica ser uma megera fria, arrogante e insubordinada. Pia é daqueles personagens que me tiram do sério… só ela que sabe das coisas, só ela tem razão, a opinião dos outros não interessa e não se importa se suas ações irão colocar em risco sua própria vida e a de terceiros. Achei a personalidade de Pia um tanto contraditória, pois para quem sofreu horrores quando criança sua autoestima está na estratosfera. Mulherzinha insuportável! O autor tenta redimi-la no final, mas para mim essa ladainha de arrependimentos e vontade de mudar de uma hora para outra não convencem. 

Apesar de ser um thriller, Beneficio da Morte não apresenta nenhum mistério, pois desde o inicio o leitor sabe de todos os detalhes da conspiração, o motivo, quem foi o mandante e etc. Poderia dizer que o suspense fica a cargo da investigação amadora de Pia. É isso, acompanhamos Pia desvendar o que já sabemos desde o início. Confesso que não sou muito fã desse tipo de abordagem investigativa.

Enfim, Beneficio da morte é um livro envolvente e dinâmico, mas nada que nos faça perder o fôlego. Uma ótima pedida para fãs de thrillers mais leves, que não exijam muito poder de dedução do leitor. 

Postagens populares

seguidores

LENDO NAS ENTRELINHAS Copyright © - Todos os Direitos Reservados

desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL