target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Leitura Recomendada
target="_blank">Some alt text
Lançamentos e Eventos
target="_blank">some alt text
Escolha do Leitor
target="_blank">some alt text
Conheça o Autor
target="_blank">Some alt text
Livros Importados
target="_blank">Some alt text
Digno de Nota

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

"A NOITE MAIS SOMBRIA" (Gena Showalter)

Doze guerreiros orgulhosos e tolos. Eram os mais fortes e leais, pensaram que seriam os merecedores da honra de proteger e guardar a caixa que poderia causar a destruição da humanidade. Mas não, os deuses consideraram uma mulher digna de tal missão, Pandora. Tentados pela inveja e pelo ciúmes, eles decidiram desafiar os deuses e provar que erraram ao confiar a caixa a uma mulher. Roubaram e abriram a caixa de Pandora, liberando uma legião de demônios no mundo. Grande erro.

Os deuses realizaram o desejo dos guerreiros. Finalmente eles se tornaram os guardiões dos demônios, mas eles não teriam uma caixa, seus corpos seriam o receptáculo de todo mal e destruição que libertaram no mundo. Desejo atendido...maldição eterna.
Agora, a luta é travada minuto a minuto, sem trégua. Afinal, eles são os Senhores do mundo Subterrâneo.

"A Noite Mais Sombria" é o primeiro livro da série Senhores do Mundo Subterrâneo de Gena Showalter. O livro me surpreendeu demais, não esperava encontrar uma história tão apaixonante. Esse livro não é para ser degustado e sim devorado.

~ ~ ~*~ ~ ~

Seu castigo era doloroso demais e sua maldição a mais cruel. Por mais que clamasse por perdão os deuses o ignoravam. Todas as noites a morte vinha ao seu encontro e ao amanhecer renascia em seu corpo.
Maddox é um dos Senhores do mundo Subterrâneo e compartilha seu corpo com o demônio da violência. Além de lutar contra "Violência" que por vezes domina sua mente e corpo, fazendo com que cause morte e destruição, todas as noites ele sofre por seu ato impulsivo e cruel do passado. Morte, inferno e renascimento são os seus destinos eterno. Conhecer e esperar pela dor que encontrará a cada badalada da meia-noite o tornou um homem sombrio e amargurado.

Mas a ousadia de uma jovem mulher selaria seu destino para sempre

Ashlyn Darrow é uma sobrevivente, luta para manter a sanidade desde a infância. Seu dom parece torturá-la  e lhe causa angústia e desespero. Vozes do passado, de todas as direções, invadem sua mente sem aviso. Ela mal consegue ouvir seus próprios pensamentos.
Não aguenta mais e decidiu que precisa de ajuda. Conversas de outras épocas lhe trouxeram esperança, somente os homens que habitam uma sombria fortaleza em Budapeste poderiam ajudá-la.
Anjos ou demônios? Ela não se importava, desde que as vozes se calassem.

Ao invadir a colina que leva à fortaleza, Ashlyn encontra um homem feroz e ameaçador, mas estranhamente também encontra a paz...o silêncio. Apesar de seu medo, ela se recusa a deixá-lo e jura que o seguirá.
Maddox não tem escolha, ela morrerá se deixá-la sozinha na gélida colina. Não entende porque se importa com  a humana, mas desde o primeiro toque daquela mulher algo mudou. "Violência" se agitou, queria sangue e queria Ashlyn. Sua hora mais sombria estava se aproximando, não tinha muito tempo , ele já sentia as primeiras dores da morte. Se morrer fora da forteleza seu corpo ficará vulnerável.
A decisão de levá-la à fortaleza foi impulsiva, mas ele não sabia que sua vida e a de seus companheiros jamais seriam as mesmas.

Maddox e Violência não resistiram à fome e ao desejo que a humana provocava. Ela se tornou mais um tormento em sua vida, um doce e delicioso tormento. Ashlyn e Maddox foram invadidos por uma paixão irresistível, e a cada toque e beijo ardente eles pareciam caminhar cada vez mais para a própria ruína. O amor pode ferir.
Ashlyn atrairá desgraça, dor e destruição, mas também conseguirá o que parece impossível aos amaldiçoados. Trará amor, união e redenção.

~ ~ ~ *~ ~ ~
Em "A Noite Mais Sombria" somos apresentados a Maddox, o guardião da violência, ele está sempre  no limite e com os nervos a flor da pele. Uma palavra errada, um olhar atravessado e o demônio que habita seu corpo entra em ação. Depois ninguém segura, é só destruição.
Maddox é apaixonante, apesar de ser instável e agressivo, sua maldição e dor provoca ternura nas mulheres. Dá vontade de botar no colinhoooo!
Aff! Me apaixonei de novo. Eu sei que pareço volúvel, já disse a mesma coisa de outros, mas não consigo evitar. Maddox embalou meus sonhos nos últimos dias.

Ashlyn faz o gênero da moça atormentada, inocente e vulnerável. Parece clichê, mas ela é descrita de tal forma que sentimos uma empatia imediata por ela. A menina tem fibra.

O que achei mais interessante foi que, ao contrário do que pensei, o livro não é focado no sexo entre os protagonistas. A autora explorou de forma primorosa todo o conflito entre o guardião possuído e seu demônio. A trama é tensa, cheia de dor, conflitos, ação e romance da primeira à última página.
Outro detalhe que difere esse romance, apesar dele ser dedicado a Maddox, é que os outros guardião não são apresentados de forma superficial. O tormento de cada um é palpável, me deixou inquieta e algumas vezes tensa.

Vale falar um pouquinho de Reyes. Sem dúvida foi o guerreiro que mais mexeu comigo, ele é o guardião da dor e para saciar o desejo de seu demônio acaba se automutilando. Ele exala sofrimento. Reyes provocou em mim vários sentimentos conflitantes. Anseio pelo livro dele mais do que qualquer outro. Uma curiosidade mórbida.

Não há muitas cenas de sexo, mas as que são descritas compensam a espera. É simplesmente bombástico.
Devorei as páginas do livro e sofri ao terminá-lo, eu queria muito mais.
"A Noite Mais Sombria" é uma viagem ao mundo do sobrenatural, com um toque especial de mitologia grega e com um romance HOT e arrebatador. Eu adorei!

Ainda não leu? Não sabe o que está perdendo.

Showalter, Gena. A Noite Mais Sombria. Harlequin Books, 2010. 400 p. (Senhores do Mundo Subterrâneo, Vol. 1)

23 comentários:

  1. Eu já li e amei!

    A ideia de cada guerreiro abrigar um mal do mundo é um achado. Cada um trava uma batalha diária para controlar seu demônio, um simbolismo em pequena escala do que acontece na vida real com todos nós. Não há como não se identificar.

    Adorei sua resenha.

    bjokas

    ResponderExcluir
  2. Eu me identifiquei com o da luxúria e da doença... são extremos opostos. O coitado da doença não faz sexo há 400 anos coitado. Enquanto isso o da luxúria tem que fazer sexo todo dia e sempre com mulheres diferentes.... rs.

    :):)

    ResponderExcluir
  3. Menina!!!!
    "Tô Bege"!!! Só de ler sua resenha já me senti dentro da história, agora não tenho como fugir, preciso de um desse.
    Ps: Você a Alê e mais algumas amigas vão me levar a falência.
    beijos

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha Hérida. Aff, quero muito ler esse livro, parece ser maravilhoso.
    Pensei que ele seria meio que parecido com os livros dos amantes (eterno, sombrio, etc..), mas pelo jeito é bem diferente.
    beijos.

    ResponderExcluir
  5. Hérida;
    Eu adoro essa série, mas como a galera anda falando que eles tiraram a emoção na tradução para o português eu fiquei meio assim...rs
    Mas enfim, adoro e recomendo =)

    ResponderExcluir
  6. Esse livro me pareceu emocionante eim, a historia foi muito bem elaborada de acordo com a mitologia grega!
    Bjos

    ResponderExcluir
  7. Eu quero esse livro, mas não acho nem com reza para comprar, estou esperando a Bienal para compra-lo.
    Bjos

    ResponderExcluir
  8. Estou curiosa com essa série... vou correndo comprar o meu...

    beijos,
    Dé...

    ResponderExcluir
  9. Ai!!! Não faz isso comigo! Doida para ler esse livro!
    Na verdade, li a versão que é traduzida por fãs... que é bom!!! Sabe, eu gosto de uma história sobrenatural, e se é Hot, só melhora... XD
    Vc sabe que essa versão foi censurada, mas mesmo assim deve continua boa a história...
    E vc tem toda a razão... o foco que a autora usa no livro, contando a história dos guerreiros é muito legal!
    Adorei sua resenha!

    ResponderExcluir
  10. Nossa parece ser muito interessante esse livro!
    Depois de ler sua resenha fiquei com mais vontade rsrs

    Valeu pela dica!
    beijos
    Lili

    ResponderExcluir
  11. Oi Hérida!
    Caramba resenha magnífica. Gostei desse livro! Vou procurá-lo pra mim!
    Bjsssssss

    ResponderExcluir
  12. Hérida,
    Adorei sua resenha. Vou ler com certeza !
    ahhhh adoro cenas bombásticas !
    Bjs
    Luka.

    ResponderExcluir
  13. Nossa! Esse livro eu ainda não conhecia.
    Parece ser muito interessante, acho que vou comprar. Su resenha me deixou com gostinho de quero mais... rsrs...

    Bjs,

    ResponderExcluir
  14. Ei Hérida,

    Adore o "aff me apaixonei de novo" rsrsrs, eu tava doida por este livro já desde q vi a capa e o primeiro ocmentário dele, mas não tinha ainda muita noção do enredo e amei. Vai pra lista, eu quero. Tomara q esteja baratinho na bienal rsrsrs

    Amei a resenha.

    bjo

    ResponderExcluir
  15. Oi, Hérida!

    Uau! Mais um livro p/ a minha lista!!!
    Adorei a dica!
    Desse jeito vou à falência! (risos).
    Beijos.

    ResponderExcluir
  16. Legal, não conheceia essa série e parece ser muito interessante!!!
    VAi entrar na minha listinha!!!

    ResponderExcluir
  17. Olá, troquei meu banner, por favor, substitua aqui no blog, obrigada, bj

    http://danfalandodelivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  18. Meu Deus... Já li os livros de Maddox(Violência), Lucien (Morte), Reyes (Dor), Sabin (Dúvida), Aeron (Ira) e estou lendo o de Gideon (Mentira) praticamente letrinha por letrinha para ele não acabar logo - são fenomenais!!

    ResponderExcluir
  19. Também já li os Extras: o livro prólogo, o livro de Atlas e o de livro de Lysander (Anjo)mas dentre estes, o que eu gostei mesmo foi só o do Lysander, ô anjo TUDO DE BOM XD
    A Gena tem inspiração divina, só pode! kkk Cada livro é, espantosamente, MELHOR QUE O OUTRO, incrível.

    ResponderExcluir
  20. Dentre todos os Guardiães, meus AMADOS são o Reyes... e o Torim!!*________*
    Pena que pelo andar da carruagem, o livro de Torim só deverá sair em 2012 ou 2013, snif, snif...
    Um abraço à Hérida e a todas as leitoras do blog ^~
    Illy

    ResponderExcluir
  21. Vou confessar que já estou na página 200 e o livro ainda não me "cativou" por completo.

    ResponderExcluir
  22. O único probelam nessa série é que se refere a "DEMÔNIOS"- credo!
    O outro probelma,que me decepcionou bastante,é que;ELES NÃO SE LIBERTAM DOS MESMO.PENSEI QUE NO FIM CADA UM FICARIA LIVRE DA MALDIÇÃO.
    Bjs,Adriana

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para mim. Obrigada pela visita e volte sempre.

- Comentários que não tenham relação com a postagem serão removidos.
- Caso queira se comunicar comigo, envie sua mensagem pela opção contatos no menu do blog ou pelo email localizado na sidebar.

Nos encontramos no próximo post!

Postagens populares

seguidores

LENDO NAS ENTRELINHAS Copyright © - Todos os Direitos Reservados

desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL