target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Leitura Recomendada
target="_blank">Some alt text
Lançamentos e Eventos
target="_blank">some alt text
Escolha do Leitor
target="_blank">some alt text
Conheça o Autor
target="_blank">Some alt text
Livros Importados
target="_blank">Some alt text
Digno de Nota

sexta-feira, 27 de julho de 2012

“TRAVESSIA” (Ally Condie)

É uma sensação estranha.
A minha vida toda fui observada. A Sociedade me viu ir para a escola, aprender a nadar e subir os degraus no dia do meu Banquete do Par; a Sociedade classifica meus sonhos; e, quando – no caso da minha Funcionária – julgavam que meus dados eram interessantes, alteravam as coisas e registravam minha reação.
Pág.105

~~~*~~~
Pode conter spoiler para quem não leu o primeiro livro.

Ao deparar-se com um erro da Sociedade, Cassia descobre que o conforto oferecido à comunidade era na verdade uma forma de controle. Ela não acredita mais no disfarce de que tudo é pelo bem do coletivo. Agora, Cassia quer traçar seu próprio destino.

Após Ky ter sido preso e levado para as Províncias Exteriores, Cassia planeja ir ao seu encontro. Mas como chegar até ele?
Cassia não foi reclassificada – ainda é uma cidadã da Sociedade – porém foi transferida para as províncias distantes e designada aos campos de trabalho. Mas ela estava onde queria, onde pensou que seria mais fácil de rastrear Ky. No entanto, ela ainda não encontrou nenhuma pista de seu paradeiro. Cassia precisa chegar às Províncias Exteriores, mas para isso terá que fugir…

Ky Markham está vivendo um verdadeiro inferno. A Sociedade precisa de corpos – de falsos aldeões para servirem de isca para atrair o fogo inimigo. Ninguém vive muito tempo ali. Mas Ky não vai deixar a Sociedade matá-lo.

Junto com mais dois prisioneiros – Vick e Eli – Ky foge para os cânions da região, uma rede de formações rochosas conhecida como A Escultura. Um lugar inóspito e perigoso, mas que também representa uma esperança de sobrevivência.

Enquanto isso, Cassia encontra uma forma de ir para as Províncias Exteriores. Mas ao chegar no acampamento, ela descobre que Ky fugiu. Com a ajuda de Indie – uma aberração – Cassia parte para A Escultura decidida a reencontrar seu amado.

Nessa jornada, uma nova realidade lhe será apresentada. A promessa de uma vida ao lado de Ky a deixa deslumbrada. Cassia não quer mais estar sob as rédeas da Sociedade e está disposta a abandonar tudo pela liberdade de escolher seu próprio caminho.
 ~~~*~~~
Travessia é o segundo romance da série Matched escrita por Ally Condie. Gostei muito de Destino, primeiro livro da série, mas confesso que fiquei receosa em relação a esse volume. Cometi o erro de ler algumas resenhas que me desanimaram. Felizmente, Travessia não me decepcionou.

Em Travessia Cassia e Ky narram a história, e acompanhamos o desenrolar da trama através de pontos de vista alternados. Achei esse volume um pouco mais ágil que Destino, mas não é um livro cujo foco é a ação. Pelo contrário, é um romance dedicado às emoções e reflexões dos personagens. Aqui, eles se mostram mais humanos e passiveis de erros.

Descobri que adoro a escrita de Ally Condie. Minha única queixa é em relação à ambientação. A maior parte do tempo a história transcorre no interior de cânions e cavernas. Achei o cenário pouco atraente, pois é tudo inóspito….sem vida.

Travessia é um livro de transição, onde os personagens passam por transformações … descobrem novas amizades, segredos são revelados e emoções compartilhadas.

Condie, Ally. Travessia. Objetiva, 2012. 274 p. (Matched, Vol. 2)

Postagens populares

seguidores

LENDO NAS ENTRELINHAS Copyright © - Todos os Direitos Reservados

desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL