target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Leitura Recomendada
target="_blank">Some alt text
Lançamentos e Eventos
target="_blank">some alt text
Escolha do Leitor
target="_blank">some alt text
Conheça o Autor
target="_blank">Some alt text
Livros Importados
target="_blank">Some alt text
Digno de Nota

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

"CÍRCULO NEGRO"(Catherine Fisher)

Já assumi diversas formas. Fui um salmão azul, um corço, um cabrito-montês. A espuma da nona onda. Uma mariposa na lanterna, um acorde de harpa no vento. Antes de nascer, eu vivi. Depois de morrer, eu nascerei.
Pag.33
Príncipe dos poetas sou eu entre os poetas de Elphin,
Meu país é a região das estrelas de verão. 
(Livro de Taliesin)

Círculo Negro da autora Catherine Fisher é um livro repleto de magia, povoado por mitos celtas e cercado de mistérios. Inicialmente, apresenta ao leitor uma história inocente, mas que que se torna cruel e sombria.
~~~*~~~
Nuvens surgiam do norte, negras e carregadas. Uma gota de chuva respingou no papel. Rob enfiou o caderno de desenhos na mochila e fechou o estojo de lápis com um clique. Ele não queria voltar para casa, não precisava estar lá.
Há três meses sua irmã, Chloe, sofreu uma queda de cavalo e estava em coma profundo. A esperança estava lentamente minguando e ele não suportava ver sua família tão distante.
Mas uma oportunidade de emprego surgiu e Rob percebeu que seria ideal para mantê-lo ocupado e longe de casa. Ele trabalharia como desenhista de um sítio arqueológico que estava sendo mantido em segredo absoluto. Foi descoberto um círculo negro, feito de madeira, construído há milhares de anos. Um portal para o outro mundo.
Mas aquela descoberta arqueológica parece estar ligada com outro fenômeno estranho. O surgimento de  um homem foi exaustivamente profetizado e esperado. Uma alma nascida do caldeirão. Um andarilho entre os dois mundos, um feiticeiro...um druida.
Rob jamais acreditou nessas loucuras, mas dessa vez ele estava lá. Ele testemunhou a chegada do druida a este mundo. Seu nome era Ervilhaca.

Ervilhaca foi um menino que mexeu o caldeirão mágico, cheio de poder, por um ano, e no último dia, três respingos queimaram sua mão. Ele pôs a mão na boca e provou do caldeirão. Naquele momento tornava-se poeta. O Taliesin em pessoa.
Ervilhaca contou para Rob onde Chloe estava. Ela se encontrava em um estado de semiconsciência, entre a vida e a morte. Caiu nas profundezas de Annwn...o Desmundo. Uma floresta de sonhos e desespero.
Rob não deixaria sua irmãzinha perdida e sozinha naquele lugar. Ele iria com Ervilhaca para o desmundo e traria Chloe de volta.

Mas chegando ao mundo de sonhos, Rob não encontrou a Chloe que sempre conheceu. Sua alma foi dominada pela escuridão. Ela quer ficar e fazer parte daquele mundo cheio de magia e poder.
Até onde ela irá para fugir da sombra do seu irmão?
~~~*~~~
Catherine Fisher escreveu um romance sobrenatural juvenil, mas com uma proposta totalmente diferente do que estamos acostumados a ler. Apesar de viajarmos por um mundo repleto de fantasia, Círculo Negro, é sombrio e explora o inconsciente. Desperta a curiosidade do leitor para as mentiras que representamos e nos faz questionar...quantas amarguras alimentamos sem perceber? É um romance onde a magia nos leva para um mundo de sonhos, mas que nem sempre é acolhedor e bonito.

Mas todos esses temas que parecem pesados são apresentados de forma espontânea e diluídos em uma história cheia de suspense e aventura. A autora conseguiu unir lendas, magia e fantasia em uma trama sombria e assustadora.

O ambiente é muito bem detalhado, mas achei que faltou uma descrição física mais minuciosa dos personagens. Eles são muito bem caracterizados na parte psicológica e emocional, mas faltou detalhes físicos.
No início, Chloe se apresenta como uma garota assustada, frágil e muito inteligente. Porém com a evolução da trama sua verdadeira face é revelada. Ela se torna má, rude e vingativa. Devo confessar que achei os motivos de Chloe banais demais para tanto rancor, ela me pareceu uma garota mimada e inconsequente, incapaz de avaliar suas opções com clareza. Para mim, os motivos de Chloe não convenceram.

Rob é um garoto dedicado e apaixonado pela arte, mas ele acaba usando essa paixão como um refúgio para a realidade que vive. Ele pinta para esquecer. Ele pinta para deixar seu mundo mais suportável...para fugir. Ele é um menino bom e carinhoso, mas um pouco distraído com o que acontece ao seu redor. Gostei muito de Rob.

Círculo Negro amedronta o leitor de forma sutil, a apreensão e o temor se insinuam e tomam forma lentamente. Mas não é um medo do imaginário, de monstros ou vilões cruéis, é um medo psicológico...da negligência,  da inveja, do rancor e da vingança. Esses são os que mais me assustam.

Fisher, Caterine. Circulo Negro. Bertrand Brasil, 2010. 350 p.

17 comentários:

  1. A história parece ser legal, vou arriscar a ler. ^^
    beijos.

    ResponderExcluir
  2. Sou super fã de livros assim, que falem de magia e fantasias! Para mim detalhes físicos são importantes, a partir daí montamos os personagens na nossa cabeça, sentiria falta disso em um livro!

    Ótima resenha!
    Bjo

    ResponderExcluir
  3. Nossa! Parece ser incrível. Quero muito ler.

    ResponderExcluir
  4. Oi!
    Adoro lendas Celtas. Quero muito ler esse livro.
    BJs

    ResponderExcluir
  5. Ei Hérida!
    Adoro livros com magia, livros sobrenaturais, e Círculo Negro parece uma boa pedida.

    E pelo que li, já tô vendo que tb não vou gostar muito da Chloe não... kkk

    Valeu pela dica.

    Bjins

    ResponderExcluir
  6. Oi, esse livro parece ser muito bom e pelo que vc diz ele é meio de assusta de uma forma que nós prende a nossa realidade! =P

    ResponderExcluir
  7. Nossa se eu tivesse esse livro na mão o li de uma vez so. Como a gente faz nas livrarias quando ve um livro interessante.

    ResponderExcluir
  8. Oi Hérida!!!
    A magia sempre me prende, me fascina, acho que me lembra da infância, da epoca emq ue eu tinha certeza que todos os sonhos eram possiveis, e que eu era uma fada, princesa, anjo, estrela, borboleta, enfim, o que eu quisesse ser.
    Adorei a dica.
    beijos

    ResponderExcluir
  9. Parabéns pela resenha, fiquei com vontade de ler...

    ^^

    ResponderExcluir
  10. Adorei! Quero muito esse livro.
    Bjk

    ResponderExcluir
  11. Já li algumas coisas bem positivas sobre esse livro! Mas mesmo com toda a descrição emocional dos personhagens, me encomoda as vezes não ter os detalhes fisicos... mas acho que deve ser uma leitura que o risco! Adoro histórias sombrias!
    A capa tb está bem legal!

    bjusss

    ResponderExcluir
  12. Oiiiiiii, não tinha visto nada sobre esse livro ainda. Aqui é um ótimo lugar para encontrar coisas novas e diferente.

    Enfim... o livro parece valer o risco, rsrsrsrs.

    Xero.

    ResponderExcluir
  13. NOssa a resenha ficou demais, gosto muito da mitologia celta, e tudo q tenha relacionado, esse é um livro q vou querer ler, com certeza.

    ResponderExcluir
  14. Pode me chamar de louco, mas eu num gosto de sobrenatural, rsrsrs.
    Apesar dos livros sobrenaturais terem umas estórias ótimas, eu num leria.
    Como sempre ótima resenha, nas suas resenhas eu num tenho dúvidas, são muito bem detalhadas.
    Bjos

    ResponderExcluir
  15. Meeee, que resenha fantástica *---* Fiquei super curiosa para ler o licro agora ;X
    Tomara que eu ganhe ele na promoção aqui do blog *--* hhihihih
    Adoro suas resenhas, elas sempre me deixam muito curiosa para ler os livros ;P

    Beijos ;*

    ResponderExcluir
  16. Eu li e recomendo!!!Muito bom!!!A Chloe e infantil e o Rob 'um irmao muito bom!Vale a pena ler!!

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para mim. Obrigada pela visita e volte sempre.

- Comentários que não tenham relação com a postagem serão removidos.
- Caso queira se comunicar comigo, envie sua mensagem pela opção contatos no menu do blog ou pelo email localizado na sidebar.

Nos encontramos no próximo post!

Postagens populares

seguidores

LENDO NAS ENTRELINHAS Copyright © - Todos os Direitos Reservados

desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL