target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Leitura Recomendada
target="_blank">Some alt text
Lançamentos e Eventos
target="_blank">some alt text
Escolha do Leitor
target="_blank">some alt text
Conheça o Autor
target="_blank">Some alt text
Livros Importados
target="_blank">Some alt text
Digno de Nota

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

“TENTAÇÃO” (Eve Berlin)


Era mais que sexo. Foi uma conversa mostrando a alma, revirando as vísceras...
p. 122
~~~*~~~
Mischa Kennon era uma perfeccionista. Em seu trabalho como tatuadora, como autora de contos erótico e no cuidado pessoal. Por isso, estar atrasada para a festa de noivado de sua melhor amiga era algo frustrante. Mas ela logo esqueceria esse “deslize”…

Durante a recepção, Mischa foi apresentada ao homem mais lindo que já vira. Alto, olhos verdes deslumbrantes, lábios generosos e um sotaque irlandês irresistível. A atração foi imediata, pois não havia como ficar indiferente a Connor Galloway.

Flertaram durante todo jantar, afinal o interesse era mútuo. Por ser amigo do noivo e frequentar o mesmo círculo social, Mischa fazia uma boa ideia do que Connor era… um sadomasoquista. Será que ela estava disposta a entrar nesse jogo? Claro, que sim!!

Ambos eram adultos, bem resolvidos e não estavam interessados em compromisso. Seria apenas sexo com um homem lindo e muito prazeroso, assim ela esperava.

Ela pensou que conseguiria lidar coma situação como sempre fizera… apenas sexo casual. Porém suas emoções saíram de seu controle. Connor era o homem mais intenso e espetacular com quem Mischa fora para a cama. Ela nunca sentira-se tão confusa e repleta de desejo em toda sua vida. Connor não apenas dominou seu corpo, como também seu coração...
~~~*~~~
Tentação é o terceiro volume da série “Edge” de Eve Berlin. Quem leu a resenha dos livros anteriores – Luxúria e No Limiar do Desejo – percebeu que a série explora profundamente o erotismo ligado aos jogos sadomasoquistas, as sensações provocadas pela combinação de dor e prazer e, de bônus, temos o romance.
A história é focada na atração física, na paixão e no sexo explosivo… duro, porém existe também o envolvimento emocional e psicológico dos personagens.

Diferente das protagonistas anteriores, Mischa já experimentou a relação Dominador X Submissa. Porém, encarou a prática como uma brincadeira, algo que foi explorado por curiosidade. Mas ao conhecer Connor, ela toma consciência de que esse universo é levado a sério por ele, pois exige confiança e respeito de ambos parceiros para que ninguém saia machucado. 
Mischa, enfrenta um embate entre os conceitos que sua mente acredita serem corretos, e as respostas de seu corpo aos novos estímulos sensoriais que está experimentando. Ela é uma mulher moderna, independente, bem-sucedida, e não é facil aceitar ser “dominada” por um homem . Mesmo que isso ocorra somente na cama. A autora soube trabalhar muito bem os conflitos enfrentados pela protagonista.

Como ela pode se submeter a um homem na cama, sem tornar-se uma mulher passiva? Alcançar o prazer extremo através da dor e da submissão é algo humilhante… indigno? E mais, não é só a questão da Dominação X Submissão que faz com que Mischa hesite frente às novas emoções que estão tomando conta dela, mas o fato de estar “gostando” de tudo isso. Gostando da dor, da submissão e, principalmente, de Connor.
São esses questionamentos e conflitos emocionais que fazem com que eu goste mais dessa série.
Apesar das qualidades citadas acima, ainda acho o enredo de Tentação comum. A mesma formula de sempre... atração irresistível + sexo dos deuses + paixão avassaladora.
Por outro lado, achei os jogos sadomasoquistas mais intensos nesse terceiro livro. Na minha opinião, Tentação foi o melhor livro da série. Um romance repleto de tensão sexual, com cenas muito picantes e um mocinho de provocar suspiros…

Berlin, Eve. Tentação. Quinta Essência, 2013. 304 p. (Edge, Vol. 3)

Postagens populares

seguidores

LENDO NAS ENTRELINHAS Copyright © - Todos os Direitos Reservados

desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL